BioTerra

quarta-feira, 11 de março de 2009

Estrutura da membrana celular

A membrana celular existe em todas as células e constitui um invólucro contínuo e flexível que rodeia toda a célula, separando-a do meio envolvente, impedindo a perda do conteúdo celular e, ao mesmo tempo, permitindo a troca de substâncias.
O modelo de estrutura da membrana celular mais aceite na actualidade foi proposto, em 1972, por Singer e Nicholson, e é conhecido por modelo do mosaico fluido.

De acordo com este modelo, a membrana é constituída por uma bicamada fosfolipídica com proteínas e outras substâncias. Os lípidos que constituem a membrana são, principalmente, os fosfolípidos, os glicolípidos e o colesterol. Os fosfolípidos e os glicolípidos são substâncias antifáticas, ou seja, apresentam polaridade, isto é, possuem uma zona hidrofílica, que tem afinidade pela água, e uma zona hidrofóbica, que não têm afinidade pela água. Nas duas camadas de fosfolípidos que constituem a membrana celular, as zonas hidrofílicas estão voltadas para o exterior da membrana (para o meio intra e extracelular) e as zonas hidrofóbicas estão voltadas para o seu interior (afastadas da água).

As proteínas que fazem parte da constituição da membrana podem ser de dois tipos: proteínas intrínsecas ou integradas – aquelas que atravessam a membrana; proteínas extrínsecas ou periféricas – aquelas que se encontram na superfície da membrana.

A membrana celular é fundamental, uma vez que é responsável pelas seguintes funções:

  • Constitui uma barreira que separa o meio interno do meio extracelular;
  • Retém o conteúdo celular;
  • Permite o intercâmbio de substâncias;
  • É responsável pelo movimento de algumas células (pseudópodes);
  • É responsável pelo reconhecimento molecular e celular.

Reflexão:
Assim, concluo que a membrana plasmática funciona como uma barreira selectiva, através da qual e célula processa trocas de substâncias e energia com o meio, sendo fundamental ao sistema celular. No entanto, ao longo da história observa-se que os modelos representativos da estrutura da membrana celular têm vindo a sofrer alterações, sendo o mais aceite na actualidade, o modelo do mosaico fluido proposto em 1972.
É através da membrana celular que ocorrem uma ampla variedade de modalidades de transporte que brevemente serão abordados neste espaço.


Fontes:

http://www.cientic.com/imagens/pp/heterotrofico/sl_08.jpg
http://www.infopedia.pt/$modelo-de-mosaico-fluido

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]



<< Página inicial