BioTerra

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Grandes Sismos: San Francisco 1906

Local de ocorrência: EUA: Califórnia – San Francisco

Data: 18 de Abril de 1906 (5:14 h da manhã)


Magnitude: 7.9 (na Escala de Ritcher)


Intensidade: VIII (na Escala de Mercalli)





Contexto tectónico:

Tectonicamente, o estado da Califórnia encontra-se divido, a maior parte está sobre a placa Norte-Americana, que se move muito lentamente, enquanto o restante território assenta sobre a placa do Pacífico. Como a placa oceânica se desloca com uma velocidade superior à da Norte-Americana, (que se dirige para Noroeste), este movimento de fricção tem provocado uma espécie de teia de falhas e fissuras na crusta, que por sua vez, podem originar sismos.
O sismo de San Francisco 1906 foi causado por um deslizamento da Falha de Santo André, no segmento de 430 km de comprimento. As ondas sísmicas foram sentidas, desde o Sul do Estado de Oregon até Los Angeles.



Curiosidades e Observações:
  • Este sismo é conhecido como The Great San Francisco Earthquake e até ao momento, foi o maior registado nos EUA (segundo a escala de Ritcher).


  • Antes do sismo, San Francisco era a nona maior cidade americana e a população rondava os 410 000 habitantes.

  • O sismo de San Francisco 1906 teve uma duração de 28 segundos, sendo seguido de vários incêndios. Estas catástrofes destruíram cerca de 80 % da cidade.
  • O custo da tragédia, na época, foi avaliado em 400 milhões de dólares. Dos 410 000 habitantes, 225 000 ficaram desalojados e crê-se que 3000 tenham perecido.

  • Após o terramoto, o governador da Califórnia, George Pardee reuniu vários cientistas para iniciarem um programa de investigação sismológico. Verificando-se, a partir de então, um grande progresso na sismologia.

  • Este foi o primeiro sismo desta magnitude, a ser documentado por fotografias e filmes cinematográficos.
  • Um dos modestos Chalés, que fazia parte do acampamento de refugiados, foi vendido recentemente por 600 mil dólares.

  • A Falha de Santo André tem uma extensão de aproximadamente 1100 km, no Estado da Califórnia.

  • A cidade de Los Angeles encontra-se na Placa do Pacífico, enquanto que, a de São Francisco sobre a Placa Norte-Americana, devido ao movimento destas placas, os cientista prevêem que estas metrópoles se encontrem num milhão de anos.



Reflexão:

É impressionante como em 28 segundos a vida pode mudar! O sismo de San Francisco 1906 é a prova de precisamente isso, mas apesar da grande devastação causada e do elevado número de mortes, o estado da Califórnia soube a adaptar as suas construções ao contexto tectónico em que está inserido e educar as pessoas para situações deste tipo. Aqui as medidas de previsão e prevenção sísmicas têm vindo a desenvolver um papel importante, pois já atenuaram as consequências de terramotos muito destruidores que se seguiram a este! Cada cidadão comum deve saber o que fazer antes, durante e depois de um sismo, pois pode marcar a diferença entre sobreviver e morrer!


Fontes:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Terremoto_de_San_Francisco_de_1906
Moores, Eldridge; Enciclopédia a Descoberta, Volume Vulcões e terramotos, Circulo de Leitores, 2008.


Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]



<< Página inicial