BioTerra

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Introdução à célula

A célula é a unidade básica da vida. É a unidade estrutural e funcional de todos os seres vivos.
Os organismos multiplicam-se, reproduzem-se, sendo estes processos efectuados através das células.
A forma de vida mais simples que é capaz de produzir cópias de si mesma, é a célula.

As células foram descobertas em 1665 por Robert Hooke, ao examinar lâminas de cortiça num microscópio rudimentar. Hooke observou cavidades poliédricas, às quais chamou células (do latim cella, pequena cavidade). Na prática observou paredes vegetais de células vegetais mortas.
As células são limitadas por uma membrana celular (citoplasmática) e no seu interior contém uma solução aquosa, o citoplasma. No citoplasma encontram-se dispersas numerosas estruturas designadas no seu conjunto por organelos.
As células podem ser divididas em dois grandes grupos, consoante possuem ou não uma estrutura designadas por núcleo. De acordo com esta divisão temos as células: procarióticas e eucarióticas.
As células procarióticas não possuem núcleo e o prefixo pro, significa anterior e karyon provém do grego noz ou amêndoa, que é semelhante à forma que um núcleo apresenta numa célula. As células eucarióticas apresentam núcleo, onde o prefixo eu- quer dizer verdadeiro, ou seja, células que apresentam um verdadeiro (eu) núcleo (karyon).


As células procarióticas são relativamente simples (comparativamente às eucarióticas) e são as que se encontram nas cianobactérias. São organismos unicelulares constituídos por uma só célula.




As células eucarióticas podem ser encontradas em seres unicelulares e pluricelulares. São células complexas que se encontram nos animais, plantas e fungos.




Reflexão:
Este artigo introdutório, é uma das bases da biologia, pois a célula é a unidade fundamental da vida no nosso planeta. É a condição para um ser, se considerar vivo, os vírus não são classificados, desta forma, pois não se formam a partir de células preexistentes, são assim acelulares.
As células encontram-se divididas, de acordo, com as suas características, em eucarióticas e procarióticas. Deste modo, o entendimento dos processos biológicos depende do estudo das células e dos seus constituintes.



Fontes:
http://www.malhatlantica.pt/cnaturais/celula.htm

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]



<< Página inicial