BioTerra

sábado, 9 de maio de 2009

Fermentação láctica

A fermentação láctica é um processo catabólico anaeróbio (não necessita de oxigénio) que visa degradar moléculas orgânicas para obtenção de energia química, este processo é realizado por bactérias lácticas e em situações de falta de oxigénio em células de músculos esqueléticos.

A fermentação láctica, tal como a alcoólica realiza-se em duas fases:


1º Fase (fase comum): Glicólise
Nesta fase, uma molécula de glicose C6H12O6, composta por 6 carbonos é desdobrada em duas moléculas de ácido pirúvico, composto por 3 carbonos C3H4O3. Para desencadear a reacção são necessários duas moléculas de ATP (Adenosina trifosfato), após isto, a glicose é oxidada e duas moléculas NAD+ ficam reduzidas a
NADH (algum hidrogénio sai da glicose para as moléculas transportadoras NAD+ existentes no citosol). Durante o processo são também sintetizadas 4 moléculas de ATP a partir de 4ADP + 4P, ficando com rendimento de 2ATP.
C6H12O6 + 2ATP ----------> 2C3H4O3 + 2NADH + 4ATP


2º Fase: Fermentação láctica
Após a Glicólise o ácido pirúvico é reduzido ao combinar-se com os hidrogénios transportados pelo NADH originando-se ácido láctico C3H6O3. Neste tipo de fermentação, não há libertação de dióxido de carbono, sendo o ácido pirúvico directamente reduzido a ácido láctico. O fabrico do iogurte ou queijo depende deste tipo de fermentação.
2C3H4O3 + NADH ---------> 2C3H6O3 + NAD+


Rendimento
O rendimento desta reação catabólica é de apenas 2ATP (4ATP - produzidos na Glicólise; 2ATP necessários para iniciar a reacção), pois o produto final, o ácido láctico, ainda é um molécula com muita energia química. A fermentação apenas aproveita 2% da energia potencial de uma molécula de glicose enquanto a respiração aeróbia, processo muito mais eficiente, aproveita 38% (rendimento 36ATP).


Reflexão:
Entrámos num novo capítulo, agora vamos conhecer o modo como é que podemos obter energia, através de moléculas complexas, como a glicose. Nesta postagem, temos uma breve explicação da fermentação láctica, existem outros tipos como a alcoólica, ambas são semelhantes, apenas diferem nos produtos finais.

Fontes:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Fermenta%C3%A7%C3%A3o_l%C3%A1ctica

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]



<< Página inicial